Ars Longa Information Brevis



Exposições e Mostras no Museu Histórico Abílio Barreto

Museu Histórico Abílio Barreto

Exposições e mostras

Nos museus, as exposições são, por excelência, ferramentas de disseminação de informações sobre os acervos. Principais instrumentos mediadores de sua relação com o público, dividem-se em três categorias: longa duração, média duração e curta duração. O MHAB também mantém projetos que se baseiam em exposições instaladas em locais fora de sua sede.

LONGA DURAÇÃO

“Paisagem em Mutação: A Invenção de Belo Horizonte”

A exposição narra o processo de criação da cidade que nasceu para ser capital de Minas, destacando suas contradições e múltiplas interpretações. Revela aos visitantes esse rico e paradoxal momento fundador da capital, que tem como alicerce simbólico as sucessivas alterações de nomes, processo em que a capital transforma sua paisagem e é por ela transformada. Arraial do Curral del Rei, Arraial do Bello Horizonte, Cidade de Minas, Belo Horizonte. Diversos foram os nomes de nossa cidade e muitas foram as paisagens que tentaram defini-la, ora pelas curvas das montanhas, ora pelo esquadro no papel, ora pela profusão das formas contemporâneas. Ao percorrer os cômodos do Casarão, em meio a textos narrativos, objetos de uso doméstico, mobiliário, quadros, documentos textuais, livros, mapas e fotografias, o visitante poderá acompanhar essa história, uma tentativa de se inventar uma cidade que, apesar de nascente, estava repleta de antigas recordações.
Local: Casarão
Visitação: terça a domingo, das 10h às 17h; quinta-feira, das 10h às 21h.

MÉDIA DURAÇÃO

“Novos acervos – MHAB 2003-2008”

A exposição reflete a implantação de uma nova política de trabalho, que passou a tomar a cidade – e não mais apenas sua história – como grande tema do Museu. O visitante encontrará nessa exposição não só os objetos tradicionalmente entendidos como “de museu”, mas também outras categorias: pequenos itens da vida cotidiana, instrumentos de trabalho, documentos privados, depoimentos de gente comum, músicas que falam da cidade, “coisas” que, no tempo e no espaço, representam a dinâmica da metrópole.
Local: Sala Usiminas
Visitação: terça-feira a domingo, das 10h às 17h, e quinta-feira, das 10h às 21h.

CURTA DURAÇÃO

“Acervo MHAB: Conservação e Restauração”

Esta é uma exposição didática para que o público tenha acesso às informações sobre o processo de restauração de documentos materiais sob a guarda do Museu. A mostra visa não apenas dar aos visitantes a oportunidade de conhecer os procedimentos de restauração e conservação de seu patrimônio, mas conscientizá-los quanto à importância de sua preservação, por constituir preciosa fonte documental sobre origem, formação e desenvolvimento da cidade de Belo Horizonte. São bens culturais recolhidos pela instituição ao longo dos anos, que estabelecem relações essenciais entre o presente e o passado, constituindo peças-chave na construção da memória da capital. A preservação desse acervo é um compromisso que o Museu tem com a população da cidade.
Local: Foyer térreo – Edifício-sede
Visitação: terça-feira a domingo, das 10h às 17h – quinta feira, das 10h às 21h.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: